Professora da FAT defende dissertação de Mestrado pela Universidade Salamanca - Espanha

À esquerda o Prof Dr. Ángel Baldomero Espina Barrio e à direita o Prof Dr. Danie

A professora dos cursos de Nutrição, Publicidade e Propaganda e Coordenadora de Marketing da FAT, Kelly Lee Alves, apresentou esta semana a sua dissertação obtendo nota 10 e o título de Mestre em Antropologia de Iberoamérica pela Universidade Salamanca – Espanha.

A pesquisa teve como título: A Educação Intercultural através da Comunicação Interativa: Um estudo empírico do Museu da Gente Sergipana. O trabalho foi orientado pelos Professores Doutores Ángel Baldomero Espina Barrio e Daniel Valério Martins.

O estudo empírico do Museu da Gente Sergipana visa compreender e explicar o impacto das tecnologias de informação e comunicação como ferramentas para o aprendizado no ambiente lúdico/educativo de sobreculturalidade. O Museu da Gente Sergipana retrata a cultura do estado de Sergipe-Brasil e é o único museu interativo do estado, tendo grande representatividade no país.

 

“Conheci o Museu da Gente Sergipana e fiquei completamente apaixonada pelo comprometimento dos funcionários, a estrutura, a tecnologia em função da educação e cultura, a rica cultura sergipana em contato com pessoas de outras culturas através dos visitantes de outros estados e de outros países”, explicou Kelly Alves.

 

A professora conta que escolheu a Universidade de Salamanca por conta da tradição e qualidade de ensino da instituição. “Fiquei muito encantada pelo fato da universidade espanhola aparecer nos postos mais altos dos rankings que medem a qualidade da docência, por sua história e os excelentes cursos, por isso decidi me matricular para o mestrado lá”, finalizou.

Compartilhe